Mais famoso cão farejador da Polícia Militar se aposenta em Florianópolis


Warning: Missing argument 2 for wpdb::prepare(), called in /home/abcmidia/public_html/portalfilhotes.com.br/wp-content/plugins/sharebar/sharebar.php on line 112 and defined in /home/abcmidia/public_html/portalfilhotes.com.br/wp-includes/wp-db.php on line 1290

Warning: Missing argument 2 for wpdb::prepare(), called in /home/abcmidia/public_html/portalfilhotes.com.br/wp-content/plugins/sharebar/sharebar.php on line 124 and defined in /home/abcmidia/public_html/portalfilhotes.com.br/wp-includes/wp-db.php on line 1290

Bono tem oito anos e vai para o Canil da PM com todos os cuidados

Pedro Santos

O cachorro mais famoso da Companhia de Policiamento com Cães se aposentou nesta quarta-feira, em Florianópolis. Bono vai curtir a aposentadoria no canil da PM, com direitos a cuidados veterinários e alimentação vitalícios.

Nos oito anos de vida intensa a serviço da polícia, a presença do cão-herói em cenas de crimes não era apenas para descobrir drogas, mas também para inibir a ação de bandidos. É em tom saudosista que o adestrador de Bono, o soldado Adriano Otávio de Amorim, que trabalha há 16 anos no canil, se lembra dos momentos em que o cão foi decisivo no combate contra o crime.

— Uma vez estávamos em uma operação para investigar drogas em uma residência e havia um fugitivo. Quando chegou a equipe do canil, Bono descobriu o lugar onde o sujeito estava escondido. Assim que viu o cão, o homem saiu correndo e se entregou — conta Adriano.

O treinamento

Bono, como grande parte dos 34 cães da PM estadual, veio do Biotério da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Logo que chegou, aos dois meses de idade, recebeu um trabalho intensivo de socialização, adestramento e treinamento de associação de odores.

A capacidade de farejar drogas funciona como um jogo em que o animal recebe premiações. No sistema de premiação direta, o mais utilizado pelos adestradores, a droga é atrelada ao brinquedo que o cachorro quer encontrar. Para não traumatizar o animal, o contato com drogas não pode iniciar antes do primeiro ano de idade, quando o cão deixa de ser filhote.

— É importante destacar que os cães nunca têm acesso às drogas. Elas estão sempre enroladas em toalhas ou dentro de canos de PVC. Ele está sempre buscando uma bolinha, que ele associa com o cheiro de entorpecentes — explica o major Souza, comandante do policiamento com cães da Polícia Militar.

Sucessão

Para assumir o trabalho de Bono, o próximo cão da raça Beagle já está em fase de treinamento. Boninho tem um ano e meio de idade e demonstra a mesma predisposição para o faro que seu antecessor. Eles brincam juntos, mas quando é para correr atrás da bolinha amarela, Bono perde fácil para Boninho. A idade chega até para os cães.

DIÁRIO CATARINENSE


Assuntos Relacionados:


? Cão recebe medalha por ação no Afeganistão

? Gato disca telefone de emergência e polícia invade casa na Inglaterra

? Cães recebem treinamento militar inusitado na Belarus

? Cão dá uma de gato, sobe no telhado e mobiliza a polícia nos EUA

? PM treina 16 filhotes de cães para a Copa de 2014

? Cães chamam atenção por andar a cavalo em fazenda

? Nomes russos para cães e gatos.

? Nomes alemães para cães e gatos.



BuscaPé, líder em comparação de preços na América Latina

Escrever comentário:


8 + = 12

Design by: ABC midia - Fabio Paiva.